Estudante da Unesp comenta pesquisa sobre Jornalismo Científico

O bauruense Michel Amâncio (22), é estudante do 5º período de Jornalismo na Unesp/Bauru e entrou na universidade no ano de 2015.

“Eu sempre quis jornalismo. Eu escolhi o curso por essa paixão que eu tenho de ler, de ir atrás da informação, de ter curiosidade. Isso me levou bastante para a área de jornalismo científico. Eu sempre li revista galileu, superinteressante”, afirmou.

Por sempre se interessar pelo assunto que envolvia jornalismo e ciência, Michel resolveu fazer iniciação científica, com orientação do professor Francisco Rolfsen Belda.  Em sua primeira iniciação, o aluno pesquisou sobre recursos de formulação linguística e de narrativização. Confira a explicação do discente sobre o assunto, neste áudio.

https://soundcloud.com/user-101309777/estudante-de-jornalismo-comenta-sobre-recursos-de-narrativizacao

 

 Atualmente, Michel estuda o jornalismo científico voltado para o humor. Seu objeto de estudo é a matéria audiovisual, em especial, o “Canal Nerdologia”. Nesta pesquisa, o estudante tenta compreender os recursos que o canal usa para aproximar o público da ciência, com o objetivo de torná-la mais atrativa para a população.

O estudante pretende seguir a área acadêmica voltado para esta temática. “O jornalismo científico passa por diversos tipos de linguagem. Gosto muito do que o jornalismo literário traz para o cientifico”, argumentou.

Michel também comentou que a Unesp/ Bauru, sob orientação do professor Belda, tem a intenção de criar um projeto semelhante ao Labjor (um laboratório da Unicamp, referência no estudo de jornalismo cientifico). O objetivo é aperfeiçoar esse tipo de pesquisa. É provável que o projeto comece a ser moldado no meio deste ano.

O estudante termina a entrevista afirmando “o jornalismo cientifico é uma área extremamente atraente” e aproveita para ressaltar que este é um campo que vai muito além de descobrir as formas de linguagem.

 

Confira a entrevista com Michel em:

https://www.youtube.com/watch?v=HoyQQBbtZ6k

 

Deixe uma resposta